Início Agronegócio Conheça a família que produz 200 sacas de milho por hectare

Conheça a família que produz 200 sacas de milho por hectare

1
Compartilhar

E saiba também como Guarapuava (PR) se tornou a maior aliada da produtividade do cereal na região Na segunda reportagem da série do projeto Mais Milho, a nossa equipe mostra a história de Bruno Reinhofer, produtor rural de 34 anos que pertence à quarta geração de uma família de imigrantes alemães que foram fundamentais para o crescimento da agricultura no Paraná.

O produtor, que hoje planta 700 hectares do grão, conta como pulou de uma produtividade de 4 toneladas por hectare para 12 toneladas por hectare, volume que equivale a cerca de 200 sacas. O Mais Milho deste sábado visitou uma região privilegiada quando o assunto é a produtividade de milho no Brasil.

A cidade de Guarapuava, localizada a 256 km de Curitiba, no Paraná, registra em toda safra índice superior à média do estado, que é de 146 sacas, e maior também que a média nacional, de 86 sacas por hectare. Saiba o que a região tem de tão especial para registrar as maiores produtividades de milho do Brasil:

– A topografia favorece. A altitude varia de 900 a 1.050 m, o que é ideal para lavoura de milho.

– A temperatura é alta durante o dia e baixa à noite, combinação perfeita para o desenvolvimento da planta. – Solo argiloso, que favorece o cultivo do grão.

– Precipitação hídrica na medida certa. As chuvas são regulares, acima de 100 milímetros por mês. Não falta água nas fases fundamentais para cultura.

– Os produtores rurais investem em tecnologia e no manejo da lavoura. A combinação entre a alta tecnificação e as condições naturais da região justificam o resultado acima da média.

Canal Rural

As opiniões postadas nos comentários não representam a opinião do site. Comentários ofensivos poderão ser excluídos ou moderados.

1 COMENTÁRIO

  1. Parabens a familia paranaense por triplicar a produção, o Paraná passa a ser um venerável vizinho de S.Paulo por suas histórias, da ligação da terra com os imigrantes que aí aportaram

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here