Início Cidades Cuiabá: Fábio Garcia é o candidato governista com Maurélio de vice; influência...

Cuiabá: Fábio Garcia é o candidato governista com Maurélio de vice; influência decisiva de Taques e Mendes

0
Compartilhar

Considerado cristão novo na vida pública, o deputado federal Fábio Garcia (PSB) vai disputar a Prefeitura de Cuiabá pelo arco de aliança governista. O martelo foi batido nas primeiras horas desta sexta-feira (5), após muita relutância da família e do próprio Garcia, quem cumpre o primeiro mandato na Câmara dos Deputados e até 2012 só tinha atuado na iniciativa privada.

Sua chapa será completada pelo vereador Maurélio Ribeiro (PSDB), como vice, com apoio do governador José Pedro Taques (PSDB), vice-governador Carlos Fávaro (PSD) e prefeito Mauro Mendes (PSB). Apenas a participação do ministro da Agricultura, senador Blairo Maggi (PP), ainda não é certeza, porque o PP teria migrado para a coligação do deputado Emanuel Pinheiro (PMDB), para reforçar a indicação do vereador Haroldo da Açofer Kuzai (SD), presidente da Câmara de Cuiabá, como vice da chapa.

Fabinho, como é chamado por familiares e amigos, assume a empreitada após a desistência do projeto de reeleição de Mauro Mendes, anunciada nesta quinta-feira (4), numa das maiores reviravoltas políticas das últimas décadas, em Mato Grosso.

Depois do anúncio de Mendes, no início da manhã, dirigentes de PSB, PSD, PSDB, PP e SD, liderados por Taques, Fávaro e o deputado federal tucano Nilson Leitão, passaram toda quinta-feira em diversas reuniões discutir uma alternativa e buscar um novo nome, capaz de brigar pelo Palácio Alencastro.

Até a noite de quarta-feira (3), a especulação era para saber quem seria o candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada por Mendes. Chegou-se a encomendar pesquisa de opinião pública sobre tendência do eleitorado – quantitativa e qualitativa – para avaliar os melhores nomes.

Além de Fabinho Garcia, foram avaliados em conversações o empresário João Dorileo Leal, superintendente do Grupo Gazeta de Comunicação; o presidente da Assembléia; deputado Guilherme Maluf (PSDB); o vice-presidente, deputado Eduardo Botelho (PSB); o secretário Suelme Evangelista Fernandes, de Estado de Agricultura; ex-secretário Gilberto Figueiredo, de Educação; o vereador Maurélio Ribeiro, e o ex-presidente da OAB, advogado Ussiel Tavares.

A cúpula governista convenceu Fábio Garcia por acreditam que seu nome é o que mais aglutina todo o grupo. O pouco tempo para trabalhar o nome para eleição majoritária, e a falta de estrutura financeira para campanha são os fatores que mais teriam pesado para resistência de Fabinho.

Pedro Taques participou de reuniões no PSDB e, depois, à noite, no Palácio Alencastro. Pesou decisivamente a sua preferência por uma candidatura de Garcia, além de sua forte ligação com Mauro Mendes.

Compartilhar

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here