Início Cidades Lucas: Município deverá receber um Abatedouro Misto de Bovinos e Suínos

Lucas: Município deverá receber um Abatedouro Misto de Bovinos e Suínos

2
Compartilhar

O município de Lucas do Rio Verde, deverá receber em breve a instalação de mais uma planta. A Associação Mato-grossense dos Municípios-AMM, por meio da Central de Projetos, protocolou na Caixa Econômica Federal, a versão final do projeto de um Abatedouro Misto de Bovinos e Suínos, orçado em R$ 1.645.000,00, que será executado com recursos do Ministério de Agricultura e contrapartida do município.

O projeto elaborado pela equipe de engenheiros e arquitetos da AMM, está em tramitação na Caixa Econômica Federal e, deverá ser liberado em meados de junho, após aprovação e a primeira medição. A prefeitura, devido a sua filiação na Associação Mato-grossense dos Municípios, garantiu uma economia de R$ 40 mil, se tivesse que contratar uma empresa para a confecção do projeto.
Além de Lucas do Rio Verde, outros municípios também finalizaram projetos nesta semana, através da Central de Projetos. Alguns deles, já tiveram os projetos aprovados pela Caixa Econômica e liberados para as prefeituras fazer as licitações. São os seguintes municípios: Santa Cruz do Xingu (projeto de pavimentação urbana); Alto Paraguai (projeto de uma farinheira);
Cocalinho (projeto de uma rodoviária e uma feira); Vila Rica (projeto de feira de produtor); São Félix do Araguaia(projeto de pavimentação urbana); Terra Nova do Norte (projeto de pavimentação urbana); Nova Marilândia (projeto de um complexo turístico e um parque de exposição), além de outros.
O presidente da AMM, Neurilan Fraga, ressaltou que a Central de Projetos tem uma função essencial na prestação de serviços a todos os municípios e para a redução de custos dos mesmos. “Queremos um trabalho cada vez mais eficiente para que os municípios não percam recursos federais e estaduais por eventuais pendências nos projetos”, argumentou.
Entre as prioridades estabelecidas por Neurilan no setor, foi o levantamento de todos os projetos pendentes para que os problemas sejam sanados e o trabalho concluído. A equipe realizou o levantamento e já está informando os prefeitos sobre a documentação necessária para que o trabalho seja finalizado. “Essa ação e o cumprimento das exigências, podem garantir que os municípios recebam cerca de R$ 100 milhões, entre recursos de emenda parlamentar e do governo federal”, explicou Neurilan.

As opiniões postadas nos comentários não representam a opinião do site. Comentários ofensivos poderão ser excluídos ou moderados.

2 COMENTÁRIOS

  1. vamos mudar sorriso so tem dois candidato pois e sempre os mesmo que tao no poder voce mesmo votol pra ele agora aguenta ate o fim vamos ver se eles sai quebrado ou falido do poder kkkkkkkkkkkk acho ate que vao pagar aluguel ou brigar por uma destas casa de coabe que a prefeitura esta dando mais kkkkkkkkkkkk

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here