Início Cidades Nova Ubiratã: Criança de 11 anos morre afogado em tanque de peixes

Nova Ubiratã: Criança de 11 anos morre afogado em tanque de peixes

0
Compartilhar

Um incidente ocorrido no final da tarde desta terça-feira (22), em uma propriedade rural do Distrito de Santo Antônio do Rio Bonito, situado a cerca de 35 km de Nova Ubiratã, resultou na morte de um garoto de 11 anos.

De acordo com o que foi apurado pela reportagem, a vitima, João Vitor Chitto, morreu afogado depois de cair em um dos tanques de peixes da propriedade, que pertence ao pai do garoto. No momento do incidente João Vitor auxiliava o pai, Julcinei Chitto, a alimentar os peixes.

Ele estava em um triciclo adaptado para o transporte de ração quando, por causas ainda desconhecidas, acabou caindo com o veículo no açude.

O pai que estava próximo do local estranhou a ausência do filho e ao se aproximar do tanque avistou o triciclo parcialmente submerso, e embaixo o corpo do filho que foi prensado pelo equipamento.

Desesperado o pai retirou a criança da água e iniciou os procedimentos de reanimação como massagem pulmonar e respiração boca a boca, porém sem êxito.

Ao tomarem conhecimento do incidente socorristas da secretaria municipal de saúde e policiais militares se deslocaram para a fazenda, mas ao chegarem no local a vitima já estava sem vida.

“Infelizmente o que aconteceu hoje aqui foi uma triste fatalidade”, visivelmente abalado lamentou o Cabo PM, Marcelo Silva.

O corpo da criança foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Sorriso onde passou pelo exame de necropsia, sendo liberado para os atos fúnebres durante a madrugada.

Último adeus – O velório de João Vitor esta sendo realizado na Casa Mortuária do Município e deve ser sepultado ás 17h00 no Distrito de Caravágio ao lado do túmulo da avó.

Perda irreparável – Um garoto estudioso e educado, assim familiares e amigos descreviam o pequeno João Vitor, que ao lado dos pais e do irmão, cuidava da propriedade da família.

A morte precoce abalou os moradores do município de Nova Ubiratã que usaram as redes sociais para se despedir do pequeno guerreiro. “Não consigo acreditar no que meus olhos veem, porque meu Deus tão pequeno?”, escreveu uma amiga da família em sua página de relacionamentos.

Em outra postagem uma amiga de infância descreve um pouco sobre o garoto. “Amigo, irmão, confidente, trabalhador um verdadeiro exemplo de vida. Que falta você fará em nossas vidas meu eterno amigo. Que o bondoso Pai Celestial te receba em sua morada eterna e um dia com certeza vamos nos reencontrar, vai com Deus”, dizia trecho do post.

Compartilhar

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here