Início Cidades Brasil Publicitária abandona o trabalho e fica famosa na web com bolos inusitados

Publicitária abandona o trabalho e fica famosa na web com bolos inusitados

0
Compartilhar

Uma jovem publicitária de São Vicente, no litoral de São Paulo, ganhou fama nas redes sociais ao criar bolos exóticos e criativos. O objetivo de Luana Aparecida Dias Teixeira, que se tornou confeiteira por hobby, é transformar qualquer tema em doce. Os bolos decorados feitos por Lulys, como é conhecida, caíram no gosto popular, tanto que ela recebe, semanalmente, dezenas de pedidos, inclusive alguns inusitados.

A personagem do desenho animado Peppa Pig está na selação ‘das mais pedidas’. A pedido Lulys ensinou, em vídeo, o passo a passo, mostrando como modelar uma pasta americana (massa feita com açúcar de confeiteiro) e construir cenários nos bolos.

“Eu aprendi sozinha. Sempre gostei de cozinhar e fazer bolos para a família. Esse negócio de decorar e modelar bolos foi crescendo aos poucos e aprendi assistindo programas de culinária na TV, pesquisando na internet e fazendo testes. Cada bolo é um desafio, porque no caso dos personagens temos que ser fiéis ao desenho”, comenta.

Lulys se formou em publicidade enquanto trabalhava na área administrativa de uma empresa e decidiu deixar o emprego há pouco mais de um ano para investir na arte dos bolos decorados. “Eu não me arrependo. Aos poucos tudo tem dado certo”, reforça.

O trabalho da publicitária na confeitaria começou a ganhar mais espaço depois que os bolos invadiram as redes sociais. Em uma página na internet, Lulys postava fotos de suas produções e foi ganhando adeptos. A diversidade dos temas tem sido cada vez maior. “Já fiz bolos em formato de barriga de grávida, bolsa de mulher, dentes, marcas famosas, guitarra. A base é um bolo comum e o resto eu vou fazendo o corte de acordo com o que a pessoa escolheu”, explica.

Bolo bizarro
Das encomendas que a jovem confeiteira costuma receber por semana, entre bolos e outros doces, algumas também têm rendido histórias inusitadas. “Acho que uma das histórias mais curiosas foi quando uma senhora que eu já conhecia me ligou e ficou sem jeito de fazer uma encomenda. Ela queria pedir um bolo com uma bunda e uma tatuagem com as iniciais do neto. Foi muito engraçado”, lembra.

Ela recorda que a cliente ficou envergonhada, pois o pedido, na verdade, era dos amigos do neto. Os jovens queriam presentear um garoto de 13 anos. “Ela me mandou até uma foto de como queria o desenho, com os detalhes. Foi bem diferente e eu me divirto fazendo. São muitos detalhes. É uma terapia”, finaliza.

As opiniões postadas nos comentários não representam a opinião do site. Comentários ofensivos poderão ser excluídos ou moderados.

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here