Renan e Maia defendem criação de fundo para financiar campanhas

Renan e Maia defendem criação de fundo para financiar campanhas

0

Os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), defenderam nesta quarta-feira (5) a criação de um fundo para financiar campanhas eleitorais.

Renan e Maia se reuniram com líderes partidários das duas casas legislativas para definir que mudanças pretendem fazer nas regras políticas e eleitorais do país.

O objetivo do encontro era identificar pontos das diversas propostas de reforma política em tramitação no Legislativo e dar prioridade àqueles que sejam consensuais entre deputados e senadores. A estratégia visa evitar que propostas aprovadas por uma casa sejam derrubadas pela outra.

Segundo Maia, com o fim das doações de empresas para as campanhas, os recursos atuais dos partidos não serão suficientes para as eleições de 2018.

“Na próxima eleição teremos que escolher deputado federal, estadual, senadores e presidente. Por óbvio, tem que se pensar como vai se financiar isso. Com os recursos atuais que financiam os partidos e que alguns economizaram não será. Então, temos que discutir se haverá dentro desse fundo, no mesmo fundo para se tratar a questão eleitoral. Com que regras, porque hoje não tem regra. O presidente do partido distribui o fundo partidário da forma que ele quer. Então, um estado pode receber dez vezes mais do que o outro. Será que isso é legítimo?”, afirmou o presidente da Câmara.

Maia explicou que ainda será definido se esse fundo sairia do próprio fundo partidário, que é um repasse de recursos públicos aos partidos, ou se viria de outra fonte.

Com a reunião desta quarta, Maia e Renan pretendem identificar pontos das diversas propostas de reforma política em tramitação no Legislativo e priorizar aquelas que sejam consensuais entre deputados e senadores.Eles querem evitar que propostas aprovadas por uma casa sejam derrubadas pela outra.

G1/foto reprodução

Compartilhar

Deixe um Comentário